Geral


Coordenadora do PROCON de Garibaldi alerta para golpes ao consumidor

Estelionatários estão utilizando diversas formas para extorquir suas vítimas, que em sua maioria são idosos e aposentados
13/09/2021 Portal Adesso - Foto: Reprodução/ADESSO TV

     Luciana Saleh, coordenadora da Procuradoria de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON) de Garibaldi, alertou a população sobre os golpes que estão em alta em toda a região. Ela participou do programa Prato Limpo desta segunda-feira (13), no ADESSO TV.

     Luciana disse que a maioria dos golpes tem como vítimas os idosos, principalmente nos casos de créditos consignados não contratados pelo consumidor. “Esse é um golpe que estourou recentemente não apenas aqui, mas no país. O consumidor idoso verifica que foi feita uma Transferência Eletrônica Disponível (TED) em sua conta bancária e não sabe de onde veio esse valor. Por isso, orientamos todos os aposentados a analisarem seus extratos e suas contas bancárias, para verificar se houve a inclusão de um crédito não solicitado, pois isso é uma prática abusiva por parte dos correspondentes bancários e de algumas instituições bancárias”, afirmou.

     A coordenadora relatou ainda que no município há 13 processos instaurados, sendo que desse total, quatro casos foram multados pela prática violativa ao direito do consumidor, em oferecer um empréstimo consignado não autorizado pelo detentor da conta. 

     Sobre outros tipos de golpe, Luciana comentou que nos dias atuais, os golpistas estão utilizando diversas maneiras para extorquir suas vítimas. “Tem o golpe do PIX, tem do WhatsApp, boleto falso, que é um dos mais aplicados em Garibaldi, entre outros. Então temos que ficar atentos, pois há casos de pessoas que perderam muito dinheiro caindo em golpes como os citados”, comentou.

     Luciana alertou também sobre golpes em postos de combustíveis, relativos ao preço da gasolina. Sobre isso, a coordenadora do PROCON explicou que o consumidor pode e deve reivindicar seus direitos. “Existe uma legislação que permite a cobrança diferenciada de preços dependendo da forma de pagamento que o consumidor optar. Em março deste ano, nós do PROCON notificamos os postos para que eles tenham as boas práticas e informem adequadamente o valor do litro da gasolina, tributação e as formas de pagamento. Quando o posto não informa adequadamente, o consumidor pode abrir reclamação sobre o caso”, falou.

     Para quem necessitar entrar em contato com o PROCON para informar ou denunciar casos de golpes, pode ligar no telefone (54) 3462-8170, para agendar atendimento. Para quem não for residente em Garibaldi, pode enviar sua reclamação pela plataforma consumidor.gov. 

     Para acompanhar a entrevista completa com Luciana Saleh, coordenadora do PROCON de Garibaldi, acesse o link: https://www.facebook.com/PortalAdesso/videos/831564237507660 


MAIS NOTÍCIAS