Tempo


Estado terá pouca chuva nos próximos meses

Fenômeno conhecido como “La Niña” implicará nas condições climáticas durante primavera e verão
13/10/2021 Portal Adesso - Foto: Reprodução

     Conforme as previsões trimestrais do Conselho Permanente de Agrometeorologia Aplicada do Estado do Rio Grande do Sul (Copaaergs), os próximos meses terão redução no volume de chuva e aumento na temperatura. Isso por conta dos efeitos do fenômeno climático conhecido como “La Niña”. Neste ano, há probabilidade acima de 70% de que as condições do fenômeno se iniciem durante a primavera de 2021 e permaneçam até o verão 2021/2022.

     O prognóstico climático para este outubro indica redução da chuva e aumento da temperatura diurna, o que produz aumento da evapotranspiração, especialmente na segunda quinzena do mês. Para novembro, os modelos também apontam para redução de chuva, com predomínio de noites mais frias e dias mais quentes, padrão característico de períodos muito secos. Para dezembro, são esperados padrões de chuva e temperaturas mais próximas da média climatológica.

     As previsões trimestrais do Copaaergs são obtidas por meio do Modelo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e do Centro de Pesquisas e Previsões Meteorológicas (CPMET) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).


MAIS NOTÍCIAS