Agricultura


Pres. do Sindicato Rural afirma que situação da safra da uva ainda não é crítica

Eslon Schneider foi um dos convidados do programa Prato Limpo desta quarta (05)
05/01/2022 Portal Adesso - Foto: Reprodução/ADESSO TV

     O presidente do Sindicato Rural da Serra Gaúcha (SRSG), Elson Schneider, foi um dos convidados do programa Prato Limpo desta quarta-feira (05), no ADESSO TV. Na oportunidade ele falou a respeito da situação da safra da uva para 2022 e afirmou que ela ainda não é crítica como se tem comentado.

     Schneider comentou que entende a situação, mas pregou cautela em relação aos danos causados pela estiagem. “A gente entende a situação e não deixa de estar preocupado, mas a condição da safra ainda não é tão crítica como falam. Podemos dizer que ainda não iniciamos a safra, pois temos muitas variedades de uva, algumas mais atingidas pela seca e outras nem tanto. Por isso temos que ter cuidado em falar sobre prejuízos aos agricultores”, falou.

     Em torno de 110 municípios já decretaram estado de emergência pela falta de água causada pela estiagem. Sobre o assunto, Schneider comentou que ainda é cedo para avaliar a situação de cada município, pois muitos ainda estão em condições de oferecer um serviço de qualidade aos agricultores. 

     Questionado sobre o comprometimento da safra, o presidente do SRSG afirmou que muitos municípios já tiveram perdas consideráveis, mas que ainda é cedo para se tirar conclusões sobre os prejuízos. “Já houve perdas sim, principalmente nas regiões que cultivam uvas precoces, como Coronel Pilar. Já em outros municípios como Bento Gonçalves e Monte Belo do Sul as perdas são menores, por conta de outras variedades de uva”, afirmou. 

     Para acompanhar a entrevista completa com o presidente Sindicato Rural da Serra Gaúcha, Elson Schneider, acesse o link a seguir: https://www.facebook.com/PortalAdesso/videos/4735693016523724 


MAIS NOTÍCIAS