Saúde


Hospital São Roque implanta Farmácia Mobile

Projeto traz mais controle e agilidade na dispensação dos medicamentos
14/01/2022 Portal Adesso - Foto: Divulgação

     Pensando em melhorar a gestão da dispensação dos medicamentos em sua farmácia hospitalar, o Hospital São Roque, de Carlos Barbosa, está implementando a Farmácia Mobile. O projeto, que desde 2021 está funcionando no Hospital Tacchini, de Bento Gonçalves, é capaz de trazer mais controle e agilidade ao processo, além de reforçar a segurança dos pacientes.

     Além disso, a aplicação da Farmácia Mobile, permite ao hospital reforçar seu compromisso com a sustentabilidade. Isso porque sua implantação deve evitar a utilização de cerca de 33 mil folhas de papel por mês, onde as prescrições eram impressas. O projeto também ajuda a instituição a reduzir o custo com impressões e aluguel de equipamentos. 

Como funciona o Farmácia Mobile

     Para entender a revolução pela qual a farmácia interna do Hospital São Roque está passando, primeiro é preciso saber como funcionava a rotina até então. Diariamente, a prescrição médica regular de cada paciente internado era impressa em uma folha. 

     Além disso, qualquer outro tipo de medicamento receitado pontualmente, para combater dores ou desconfortos, por exemplo, gerava mais uma receita. Ou seja, a internação de cada paciente do hospital gerava pelo menos uma impressão diária, que era invariavelmente descartada após a aplicação dos medicamentos. 

     Com o novo sistema, todo o processo foi digitalizado. O prontuário receitado pelo médico é recebido na farmácia hospitalar em um Palmtop, uma espécie de celular equipado com leitor de código de barras. O profissional separa cada um dos itens e, a partir da leitura do código de barras, o próprio sistema já atualiza o estoque. 

     Os medicamentos selecionados são enviados para a equipe de enfermagem, que ministra a aplicação de acordo com a necessidade de cada paciente.



MAIS NOTÍCIAS