Geral


Metalúrgicos debatem dissídio da categoria

06/08/2015 Portal Adesso - Foto: Moacir Brehn/ Simecs

     Nesta semana o Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Carlos Barbosa entregou a pauta de reivindicações da categoria ao Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico (Simecs). A pauta foi entregue pelo presidente do sindicato profissional de Carlos Barbosa Todson Marcelo Andrade ao diretor executivo do Simecs Odacir Conte.

     Conforme Odacir Conte, oportunamente o Simecs e o sindicato profissional deverão marcar as rodadas de negociações. A Convenção Coletiva de Carlos Barbosa, cuja data base é 11 de agosto, abrange 88 empresas dos segmentos automotivo, eletroeletrônico e metalmecânico, as quais empregam aproximadamente cinco mil trabalhadores. Odacir Conte salienta que os tempos são de dificuldades para o segmento empresarial sendo necessário que seja feita uma profunda reflexão sobre este momento, a fim de que milhares de empregos sejam mantidos.

     Composta por 81 itens, a pauta de reivindicações propõe reajuste de 13,5% para a reposição das perdas salariais. Além disso, apresenta cláusulas sociais que buscam melhorar as condições de trabalho e de vida da categoria. “Continuamos apostando no diálogo pautado pelo bom senso e pela busca daquilo que é justo e melhor para os trabalhadores. Nossa pauta é bastante realista e sintonizada com o cenário local, do qual a crise passa longe, e reflete as necessidades dos metalúrgicos de Carlos Barbosa. Por isso, achamos que será possível alcançarmos um bom resultado”, diz Todson.



MAIS NOTÍCIAS