Geral


Sec. de Administração de Bento é exonerado após denúncias de fraudes em concursos

16/09/2015 Portal Adesso

    A Prefeitura de Bento Gonçalves acatou o pedido do Ministério Público e exonerou o secretário municipal de Administração, Rafael Paludo. A medida ocorre após se tornar pública a Operação Cobertura, que investiga um esquema de fraudes em concursos públicos no Rio Grande do Sul. O secretário-adjunto de Administração, Ivan Toniazzi, assume a pasta. A Prefeitura trata o caso como um fato isolado, que não envolve outros setores da máquina pública, por isso optou-se pela exoneração do secretário.

     Nesta terça-feira (15), Operação do Ministério Público realizou busca e apreensão na Secretaria Municipal de Administração. Foram apreendidos computadores e documentos com o objetivo de se investigar se há envolvimento de servidores nas fraudes apuradas pelo MP. Em sua manifestação, a Prefeitura afirma que o afastamento de Paludo é uma iniciativa com objetivo de facilitar as investigações.


NOTA da Prefeitura de Bento Gonçalves

     Mantendo sua postura de colaboração com o Ministério Público, a administração municipal anuncia que não homologará o concurso público de março de 2015 até que todos os fatos envolvendo a Operação Cobertura sejam esclarecidos. A ação investiga 40 concursos realizados em diversas cidades gaúchas. Para auxiliar nas investigações, a administração também aceitou o pedido de afastamento do secretário Rafael Paludo.

     A iniciativa tem o objetivo de facilitar as investigações e dar tranquilidade para que todas as circunstâncias sejam elucidadas. A administração municipal segue contribuindo com os órgãos competentes, demonstrando seu compromisso com a verdade, a transparência e a boa gestão pública.

 

MAIS NOTÍCIAS