Polícia


Garibaldi sitiada pelos bandidos: Mais duas famílias são feitas reféns

01/06/2016 Portal Adesso - Foto: Imagens Internet

     Em pouco mais de uma semana, quatro casos foram registrados. Até agora, nenhuma autoridade se manifestou em público sobre possíveis medidas a serem tomadas.

     Nem bem iniciou a semana e os marginais seguem atuando livremente pelas ruas de Garibaldi. Na noite desta terça-feira (31), bandidos levaram pânico, medo e pavor a mais duas famílias, uma do bairro Santa Terezinha e a outra da comunidade de Linha São Jorge, no interior do município.

     A primeira ocorrência foi registrada por volta das 20h30min em Linha São Jorge, quando três indivíduos armados usando touca ninja invadiram uma residência e anunciaram o assalto. Eles amarraram os moradores, e os obrigaram a deitar no chão. Por quase duas horas, os marginais permaneceram na casa ameaçando e levando todos objetos de valor que encontravam pela frente. Após o roubo, eles fugiram levando uma camionete Montana e ainda quantia em dinheiro.

     Na segunda ação, três homens armados abordaram o jovem e um amigo quando chegavam em casa na rua Buarque de Macedo no bairro Santa Terezinha. A maneira de agir dos marginais foi a mesma da primeira ação, onde os marginais fazem um arrastão pela casa e após fogem com o veículo da vítima. Nesta segunda ação, um automóvel Corsa Sedan foi levado. O carro foi localizado pela Brigada Militar de Bento Gonçalves.

     Em menos de quinze dias, Garibaldi já contabiliza quatro ações deste tipo em pontos distintos da cidade. A Brigada Militar não comenta sobre os casos, mas sabe-se que o número de policiais que fazem o patrulhamento noturno é muito pequeno.

     Já a Prefeitura de Garibaldi que criou uma secretaria municipal de segurança e apoiou a colocação de câmaras de vigilância ainda não tomou nenhuma medida para buscar junto ao governo do Estado reforço no policiamento. O secretário e o prefeito não foram localizados pela nossa reportagem para se manifestarem.

 

MAIS NOTÍCIAS