Polícia


PRE orienta na prevenção do Golpe do Falso Acidente na Serra

30/12/2016 Imprensa Governo do Estado - Foto: Itamar Aguiar / Palácio Piratini

     Após registros na Serra do golpe do falso acidente, muitas dúvidas de como proceder nesta situação surgiram nas redes sociais e em ouvintes que entraram em contato com a reportagem da Difusora. O comandante da 1ª Companhia do 3º Batalhão Rodoviário da Brigada Militar, capitão Evandro José Flores, esta é uma situação nova na região. “A pessoa precisa se manter atenta, verificar o entorno para visualizar se não há nada suspeito.Tentar perceber se a colisão foi proposital e de pequena monta. E se houver um roubo, sempre evitar reagir, pois o elemento surpresa está a favor do bandido, que pode estar sob o efeito de substâncias entorpecentes”, afirma.

     Segundo a Polícia Rodoviária, estas ocorrências acontecem à noite e durante a madrugada, quando há pouco movimento nas estradas.

     Um dos problemas é as vítimas não procurarem a polícia para registrar os casos. “Isso dificulta o direcionamento do policiamento para os pontos estratégicos. É essencial fazer boletim de ocorrência. Como é que a polícia vai atuar se ela não sabe onde aconteceu?

     O policial dá algumas dicas. “Se possível, não pare. Mesmo que ocorra o acidente, siga em frente e pare somente em um local seguro. À noite, dê preferência para evitar o lado direito, que é onde normalmente colocam obstáculos para a parada do veículo. Atenção especial para passarelas, que é onde os marginais costumam ficar e arremessar objetos.”

 

MAIS NOTÍCIAS