Trânsito


Cai o número de mortes em estradas em relação a 2016

04/01/2017 BandRS

    O número de mortes em estradas federais, estaduais e vias municipais no Rio Grande do Sul caiu 15% no feriado de Ano-Novo, na comparação com o mesmo período anterior, na virada de 2015 para 2016. Ocorreram 11 mortes no trânsito neste último feriado, duas a menos do que no final de 2015 e início do ano passado. Os dados foram informados no início da tarde de ontem pelo Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

     Para o chefe da Comunicação Social da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Alessandro Castro, há uma tendência de queda gradual dos acidentes fatais no Estado. “Podemos considerar que as pessoas estão mudando o comportamento.

     Aos poucos, a grande maioria das pessoas está respeitando a legislação e a sinalização. Aqui no Rio Grande do Sul, ano a ano estão melhorando as condições de tráfego e as pessoas estão dirigindo com mais cautela. Mas ainda alertamos: é um processo lento e gradual que depende de todos fazerem a sua parte, o motorista, o pedestre e o passageiro”, afirmou.

     No total, 24.336 veículos foram fiscalizados. A operação, que teve início à 0h de sexta-feira passada, autuou 5.984 condutores e recolheu 492 veículos e 136 carteiras de habilitação.

Média
     

     O Detran divulgou que nos três dias da 68ª Operação Viagem Segura ocorreram 263 acidentes e 204 pessoas ficaram feridas. A média diária de mortes foi de 3,7. A média nos últimos dez anos foi de 4,6 vítimas fatais/dia na virada do ano, enquanto a média geral dos 15 feriados ou datas festivas em que é realizada a operação é de 6,5 mortes/dia.

 

 

MAIS NOTÍCIAS