Geral


Fiéis dão adeus ao Padre Chico em Bento Gonçalves

21/01/2017 Rádio Difusora 890 - Fotos: Rádio Difusora
Anterior Próximo

     Desde a tarde desta sexta-feira (20), inúmeros fiéis, amigos e a comunidade de Bento Gonçalves iniciaram a despedida do padre Francisco Andognini, o padre Chico. Ele estava internado no Hospital da Unimed em Caxias do Sul, tratando de um câncer. Padre Chico tinha 86 anos.

     O corpo foi translado para Bento Gonçalves e chegou na Paróquia Santo Antônio, às 16h, onde iniciou o velório. Às 18h aconteceu Missa, celebrada pelos padres da Paróquia São Roque e Santo Antônio, além de sacerdotes da Diocese.

     A Missa de encomendação foi celebrada neste sábado (21), às 10 horas,  pelo bispo da Diocese de Caxias do Sul, Dom Alessandro Ruffinoni. Após, o féretro seguiu para o Crematório, em Caxias do Sul.

 

Prefeito Guilherme Pasin decretou luto oficial do município

 

     Padre Francisco, filho de Hilário Andognini e Alba Marcantônio, era natural de Antônio Prado. Foi ordenado padre no dia 08 de dezembro de 1954. Na Diocese de Caxias do Sul, atuou como cooperador no Santuário N. Sra. de Caravaggio, em Farroupilha, de 1955 a 1956.

     Foi ainda Cooperador e Assistente Eclesiástico do Círculo Operário na Paróquia Santo Antônio, Bento Gonçalves, de 1957 a 1960; como Pároco da Paróquia Nossa Sra. Mãe de Deus, em Carlos Barbosa, de 1960 a 1963; como Capelão e professor no Hospital Dr. Del Mese, em Caxias do Sul, de 1964 a 1965; como Pároco da Paróquia São Pio X, em Caxias do Sul, de 1965 a 1968; como Pároco da Paróquia São Roque, em Bento Gonçalves, de 1968 a 1990; e desde então residia em Bento Gonçalves.

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS