Saúde


Garibaldi adota medidas para inibir faltas em consultas e exames

20/07/2018 Portal Adesso - Fotos: Tamires Piccoli/Portal Adesso

     Segundo Secretária da Saúde, o recorrente problema já fez com que o município perdesse parceria com médicos especializados. O crescente número de faltantes nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Garibaldi fez que com a Secretaria da Saúde, adotasse uma nova medida educativa junto a população.

     A partir do dia 1 de agosto, todos os pacientes que faltarem nas consultas agendadas, terão seus nomes colocados no final da lista de espera. Segundo a Secretária da Saúde, Simone Agostini Moraes, a expectativa é de que após as mudanças, a população se conscientize.

     “No mês de junho notamos novamente os altos números de faltantes. Cerca de 20% dos exames e consultas oferecidos, não foram realizados porque as pessoas simplesmente não apareceram e também, não comunicam”, afirma.

     Cerca de 500 pacientes não compareceram em consultas agendadas com clínico geral, pediatra, ginecologista, psiquiatra, psicólogos, dentistas e fisioterapeuta, além de mamografias, ecografias e radiografias no último mês. Além disso, Simone afirma que o problema dos faltantes vem ocorrendo há mais de um ano. Por conta da regularidade das faltas, o município perdeu parceria com médicos especializados, que atendiam a população.

     “Infelizmente falta comprometimento por parte da população. Para mim, a pessoa que falta em uma consulta, está prejudicando a si mesma, além de outro paciente que poderia tomar seu lugar e, toda a equipe que está aguardando para realizar o trabalho”, explica.

 

 

MAIS NOTÍCIAS