Geral


Falta de mão de obra qualificada prejudica a busca por empregos em Garibaldi

22/08/2018 Portal Adesso - Foto: Jean Teixeira/Prefeitura de Garibaldi

     O setor empregatício de Garibaldi começa a dar sinais de melhora. No mês de julho o Sine da cidade ofereceu 140 vagas, sendo que deste número 40 foram preenchidas.

     Entretanto mesmo com a grande quantidade de vagas, a falta de mão de obra qualificada, se torna um empecilho para que muitos moradores,consigam retornar suas atividades.

     De acordo com Neida Furlanetto, coordenadora da Agência da cidade, as 100 oportunidades remanescentes do mês de julho, são um exemplo da falta de qualificação.

     “Temos várias vagas de mecânico de automóveis e caminhão, técnico em controle de qualidade e segurança do trabalho, auxiliar administrativo, mas para todas elas, é necessário que o profissional esteja apto”, comenta.

     Além disso, a coordenadora conta que as vagas procuradas são dos mais diversos setores como comércio, produção e metalurgia. A agência tem focado seus esforços para conseguir uma aproximação com empresas e entidades, para que dessa forma, vagas diversificadas sejam oferecidas. Atualmente, há cerca de 70 vagas disponíveis.

     A previsão é de que nos próximos meses, o cenário tenha uma melhora, visto que as vagas temporárias para trabalhar junto às vinícolas no engarrafamento dos espumantes, deve captar mais trabalhadores.

 

 

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS