Geral


Empresa Santo Antônio se manifesta sobre denúncia de superlotação

Conforme responsável, verificação de passageiros foi realizada e ônibus não estão superlotados
22/01/2019 Portal Adesso - Foto: divulgação

     Nesta segunda-feira (21), o vereador Eldo Milani (MDB), entregou no escritório da empresa de transportes Santo Antônio em Garibaldi, uma notificação de excesso de passageiros no transporte urbano municipal, principalmente na linha que passa pela empresa Telasul, onde segundo passageiros, o ônibus fica lotado e é preciso viajar em pé.

     De acordo com Milani, usuários do transporte o procuraram, se manifestaram sobre a lotação e pediram que o parlamentar os auxiliasse. A partir daí Eldo Milani, entregou um documento solicitando providências. 
Buscando sempre fazer um jornalismo de qualidade e imparcial, o PORTAL ADESSO procurou a empresa e ouviu os dois lados da história.

     Na manhã desta terça-feira (22), nossa equipe conversou com o responsável pela logística da empresa Santo Antônio, Jerônimo Neto. Conforme ele, uma verificação foi feita para verificar o problema relatado pelo vereador e chegou-se à conclusão que os ônibus não atingem a capacidade de lotação. “O que ocorre é que por algum período, passageiros viajam em pé. Mas depois de cerca de 5 minutos, muitos passageiros descem nas paradas e o ônibus volta a ter espaço para sentar por exemplo”, afirmou Jerônimo.
     O responsável técnico da empresa também disse que a capacidade de cada ônibus varia, mas normalmente é de até 81 passageiros e este número nunca é ultrapassado pelos motoristas. 

     Em Garibaldi, a empresa utiliza dez ônibus no transporte coletivo urbano e devido ao período de férias escolares, este número foi reduzido. Ainda segundo ele, verificações são feitas permanentemente para avaliar a lotação. 
Usuários que queiram fazer alguma reclamação, sugestão ou elogio no serviço podem ligar para empresa através do número 54 3455 – 2803.

MAIS NOTÍCIAS