Notícias


Laudo indica que válvula vencida pode ter provocado explosão em Farroupilha

A Polícia Civil vai identificar possíveis responsáveis pelo incêndio em apartamento
07/02/2019 Cassiano Valente/Portal Adesso

     O Instituto Geral de Pericias (IGP) emitiu laudo que aponta válvula do botijão de gás vencida há oito anos como causadora do incêndio no apartamento que explodiu no dia 26 de dezembro, no centro de Farroupilha. 

     A diretora geral do instituto, Heloisa Helena Kuser, falou que o documento foi enviado para o delegado de Polícia Civil, Rodrigo Morale. Agora, cabe ao delegado determinar ou não um ou mais responsáveis pelo incêndio. 

     O mais provável é que uma irregularidade na mangueira do gás tenha provocado o sinistro. Conforme Heloisa, o sistema de gás no apartamento era inadequado para o sistema utilizado no apartamento. “No prédio tinha toda a estrutura de gás central, mas no apartamento era utilizado um botijão dentro da cozinha, o que é errado”, salienta. 

     O fato serve como um alerta para os moradores de prédios. Para Heloisa, é importante estar sempre atento na instalação correta e validade da mangueira e peças que fazer a passagem do gás ao fogão. 

     O trabalho do IGP está concluído, de acordo com a diretora. Agora o delegado deve instaurar um inquérito para apontar os responsáveis pela explosão.

MAIS NOTÍCIAS