Educação


Escola Valentin Tramontina comemora 5 anos de contraturno escolar

Os cinco anos de atividades foram comemorados nesta quarta e quinta-feira com diversas atividades
30/05/2019 Portal Adesso - Fotos: Priscila Pilletti
Anterior Próximo

     Para ampliar o tempo de permanência das crianças no ambiente escolar e contribuir para o seu desenvolvimento integral, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Valentin Tramontina, foi a pioneira em Garibaldi a adotar atividades complementares no turno inverso às aulas. Nesta quarta e quinta-feira, dias 29 e 30, a escola realizou uma comemoração aos cinco anos da implantação dessas atividades, que hoje somam 14 oficinas: canto e coral, informática, orientação à leitura e escrita, atividades esportivas, acompanhamento escolar, inglês, percussão, violão, danças, artes, teatro, recreação, xadrez e promoção da saúde e meio ambiente.

     Ao receber autoridades, representantes de entidades e diferentes escolas, a diretora Silvia Castanheiro afirmou que o maior legado a ser deixado aos alunos é o amor. Representando os pais da comunidade do loteamento Fenachamp, onde está localizada a escola, Joel Marciano Pinto agradeceu pela instalação do projeto. “Antes disso, havia pais desistindo de seus empregos para ficar com seus filhos. Agora temos a tranquilidade de deixar nossas crianças aqui e este projeto está dando certo poque a equipe dá atenção aos mínimos detalhes”, elogiou ele, que é o autor da música adotada como hino da escola. A secretária municipal de Educação, Simone Rosanelli Chies, agradeceu o empenho dos professores, oficineiros, funcionários e entidades parceiras, para o ganho da comunidade como um todo. “Com este projeto, em 2015 recebemos o Prêmio Gestor Público do Estado de Escola Nota 10, com as melhores práticas educativas e sociais”, acrescentou.

     Para o prefeito Antonio Cettolin, a EMEF Valentin Tramontina é um exemplo da mudança necessária na forma de trabalhar com os alunos. “Foi um desafio lançar um projeto que pudesse mudar a história de nossas crianças e isso está acontecendo. A próxima escola que receberá este projeto será o Madre Justina Inês”, lembrou Cettolin, que ainda anunciou o investimento de R$ 2 milhões em todas as escolas do município nos próximos dias. “Esta será a primeira a receber melhorias gerais”, garantiu o prefeito. O fruto das oficinas foi apresentado durante as festividades, com diversificadas apresentações artísticas dos alunos.


MAIS NOTÍCIAS