Saúde


Segue a montagem da ressonância magnética no São Pedro

Aparelho está sendo montado no hospital de Garibaldi por técnicos da empresa Siemens
18/09/2019 Portal Adesso - Foto: Hospital São Pedro/divulgação

     Falta pouco. Em breve, o equipamento que detecta doenças neurológicas, ortopédicas, abdominais, cervicais e cardíacas e pode diagnosticar esclerose múltipla, câncer, infartos, fraturas e até infecções entrará em funcionamento no Hospital Beneficente São Pedro de Garibaldi. 

     A máquina que foi descarregada na cidade no último dia 08 de setembro vinda da Alemanha, segue sendo montada por técnicos da fábrica Siemens e antes de iniciar atendimentos ao público passará por uma fase de testes.  

     Durante os testes para regulagem da ressonância, exames serão feitos gratuitamente no hospital e a previsão é de que no máximo até o próximo mês iniciem os atendimentos para o público em geral. 

     De acordo com o gerente executivo Rangel Carissimi, o equipamento será o mais moderno desta marca a ser instalado no Rio Grande do Sul. Já o diretor Jaime Gnatta Kurmann, afirma que o equipamento que custou cerce de R$ 2,5 milhões servirá para atender a população de pelo menos 15 municípios da região. 


MAIS NOTÍCIAS