Saúde


Exclusivo: 140 ligações para marcar uma consulta em Garibaldi

Moradora do bairro São Francisco passou mais de 3 horas em tentando a ligação, que sempre retornava ocupado
01/11/2019 Portal Adesso - Foto: Divulgação

     Por volta das 07h30min desta sexta-feira (1º), Fátima pegou o telefone e fez uma ligação. Ela precisava agendar uma consulta no posto de saúde do bairro São Francisco, com o médico clínico geral e outra com o ginecologista para uma prima. Discou o número com a esperança de ser atendida. Do outro lado da linha sinal de ocupado. Esta ação ocorreu por mais 139 vezes, até que na última foi atendida. O relógio do mesmo aparelho celular do qual ela tentava as ligações já marcava 11h15min. Fátima passou 3h45min tentado marcar as consultas.

     “Eu tenho tudo no meu telefone, não apaguei nada. Tentei ligar nos dois números, 3462 8146 e 8147 e nada. Chega a dar raiva o que fazem. Minha prima precisa consultar para pegar encaminhamento para fazer outros exames. É uma falta de respeito” desabafa Fátima. Segundo ela, essa não é a primeira vez que isso acontece. “É muito difícil ligar e ser atendida de primeira. As vezes tenho que ligar 30, 40 vezes para ser atendida”.

     Fátima foi atendida as 11h15min. No horário já não havia mais vagas para as consultas que ela desejava. “Nos colocaram na fila de espera. Agora se alguém desistir nos chamam. Eu até falei para a menina que me atendeu que isso não pode ficar assim. E se a pessoa tem urgência em pegar um encaminhamento ou mostrar um exame?” questiona.

     A equipe do Portal Adesso entrou em contato com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Garibaldi e obteve o retorno que a Secretária de Saúde, Simone Agostini de Moraes, está em férias. Segunda-feira (4) ela fará uma reunião com toda a equipe para verificar a situação. Também está previsto a elaboração de um levantamento de consultas e faltosos para encontrar uma solução.  


MAIS NOTÍCIAS