Geral


Prefeitura de Farroupilha assume gestão do Hospital São Carlos

18/03/2014 Imprensa Prefeitura de Farroupilha

     A Prefeitura de Farroupilha requisitou na tarde da última quinta-feira (13), os bens e serviços do Hospital Beneficente São Carlos (HBSC), através do Decreto N.º 5.555, que também declara estado de calamidade pública no setor hospitalar do Sistema Único de Saúde (SUS) no município e nomeia o Comitê de Gestão.

     O objetivo é garantir o restabelecimento adequado dos serviços hospitalares à população, após a grave crise financeira e de gestão estabelecida na casa de saúde, que colocava em risco a continuidade do atendimento.Na coletiva de imprensa, o Procurador- Geral do Município, Valdecir Fontanella, explicou que todos os membros da diretoria e dos demais órgãos de gestão, deliberativo, fiscal, consultivo, superintendências e diretoria técnica foram desabilitados e afastados de suas funções.

     Agora, o Hospital está sob responsabilidade do município, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde e conta com o apoio financeiro do Estado. “O Estado é solidário e trabalhará em conjunto com a prefeitura. Essa ação é importante para que o hospital tenha outra dimensão, resolva mais. Faremos o que deve ser feito”, ressaltou a coordenadora da 5ª CRS, Justina Onzi.

     “Nós estamos garantindo saúde pública plena, um pronto-socorro com portas abertas, parceria regional e uma saúde de qualidade. O fechamento de UTI pode se significar a morte de alguém e não podemos admitir isso, como cidadão, como prefeito e como médico. Nenhum cidadão ficará sem atendimento”, declarou o prefeito. Enfatizou ainda que o Hospital continuará operando normalmente, prestando atendimento SUS e privado de qualidade.

     Para tanto foram nomeados como membros do Comitê de Gestão o vereador licenciado Vandré Fardin, o empresário Geraldo Alexandrini e o médico Paulo Kratz, que tem plenos poderes de direção e administração da entidade.  Um repasse de R$ 1,2 milhão foi realizado  para o pagamento dos ordenados referente ao mês de fevereiro do corpo médico e de colaboradores.

     Nas próximas semanas, a Secretaria Municipal de Saúde, Solange Sonda, fornecerá informações sobre o andamento da nova forma de gestão no Hospital Beneficente São Carlos.

MAIS NOTÍCIAS