Coronavírus


Garibaldi tem 132 pessoas em isolamento domiciliar

Conforme orientação do Ministério da Saúde quem teve contato com casos confirmados de Coronavírus deve respeitar a quarentena
12/05/2020 Portal Adesso - Foto: Arquivo

     Com o aumento do número de casos confirmados de Covid-19 em Garibaldi, também aumentaram os números de pessoas em isolamento domiciliar. Até esta terça-feira (12), 132 pessoas aguardavam o término da quarentena de 14 dias para retornar as suas atividades. Nos casos de pessoas que tiveram contato com pacientes positivos para Covid-19, ele e todos os moradores de sua residência devem permanecer em isolamento, conforme orientação do Ministério da Saúde também válida para casos suspeitos.

     A Secretaria da Saúde de Garibaldi preparou uma série de dicas para quem está passando por isolamento domiciliar.

Orientações para o isolamento domiciliar:

- A distância mínima entre o paciente e os demais moradores é de 1 metro.

- No quarto usado para o isolamento, mantenha as janelas abertas para circulação do ar.

- A porta deve estar fechada durante todo o isolamento.

- Limpe a maçaneta frequentemente com álcool 70% ou água sanitária.

- Em casas com apenas um quarto, os demais moradores devem dormir na sala, longe do paciente infectado.

Itens que precisam ser separados:

- O lixo produzido pelo paciente contaminado precisa ser separado e descartado.

- Toalhas de banho, garfos, facas, colheres, copos e outros objetos usados pelo paciente.

- Sofás e cadeiras também não podem ser compartilhados.

- Os móveis da casa precisam ser limpos frequentemente com água sanitária ou álcool 70%.

Condutas para a pessoa contaminada:

- Utilize máscara o tempo todo.

- Se for preciso cozinhar, use máscara de proteção, cobrindo boca e nariz todo o tempo.

- Depois de usar o banheiro, nunca deixe de lavar as mãos com água e sabão e sempre limpe vaso, pia e demais superfícies com álcool ou água sanitária para desinfecção do ambiente.

- Caso outro familiar da casa também inicie os sintomas leves, ele deve reiniciar o isolamento de 14 dias. Se os sintomas forem graves, como dificuldade para respirar, ele deve procurar orientação médica.

MAIS NOTÍCIAS