Coronavírus


Região da serra tem 65,9% dos leitos de UTI ocupados

Dados do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, atualizados nesta quinta-feira, mostram situação estável na ocupação os leitos
25/06/2020 Portal Adesso - Foto: Divulgação

     Com os novos parâmetros do Governo do Estado para a avaliação semanal do sistema de distanciamento controlado e a classificação das bandeiras de cada região, as quintas-feiras passaram a ser dias de apreensão. Devido à classificação de bandeira vermelha, há duas semanas, na região da Serra Gaúcha, os municípios buscaram alternativas para que uma bandeira menos restritiva fosse mantida.

     Apesar do crescimento no número de casos confirmados de Covid-19 e aumento nos óbitos relacionados a doença, na macrorregião de Caxias do Sul, da qual fazem parte outros 49 municípios, entre eles Bento Gonçalves, Carlos Barbosa e Garibaldi, a ocupação em Unidade Tratamento Intensivo (UTI) está estável. Até a tarde desta quinta-feira (25), a macrorregião contabilizava 65,9% de ocupação dos leitos.

     Em Garibaldi, dos 10 leitos disponibilizados em UTI para tratamento de Covid-19 no Hospital Beneficente São Pedro, três estão ocupados, totalizando 30% das vagas. No Hospital Beneficente São Carlos de Farroupilha, das 15 vagas disponíveis, oito estão ocupadas, totalizando 53,3% de taxa de ocupação. Bento Gonçalves é o município com maior taxa de ocupação. Com 38 dos 50 leitos ocupados, o município contabiliza 76% de ocupação nas unidades.

     A divulgação do mapa preliminar com as cores das bandeiras vai acontecer nesta sexta-feira (26). Vale ressaltar que cabe recurso dos municípios sobre a decisão do Estado. A expectativa dos prefeitos, é que essa nova classificação se mantenha, em bandeira laranja, devido a todos os esforços de conter a pandemia e também aos projetos de ampliação dos leitos de UTI para o tratamento dos infectados. 


MAIS NOTÍCIAS