Educação


Governo do Estado propõe nova data para volta às aulas

Ainda sem confirmação, retorno presencial de ensino deve ocorrer no mês de setembro
26/08/2020 Portal Adesso - Foto: Divulgação/Prefeitura de Garibaldi

     O Governador do Estado, Eduardo Leite, em reunião realizada nesta terça-feira (25), juntamente com as associações de municípios e Federação das Associações dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), decidiu pelo não retorno das atividades escolares presenciais, que estavam marcadas para o dia 31 de agosto. Entretanto, o Governador não propôs novas datas para o retorno presencial. A ideia é que a volta as aulas ocorra a partir de setembro.

     Essa nova decisão se deve pela grande rejeição dos prefeitos municipais pelo retorno imediato das aulas. Segundo a pesquisa realizada pela Famurs, que entrevistou 418 prefeitos municipais, 94% dos gestores não concordaram com o retorno previsto para o final do mês de agosto. Outro ponto questionado pelos gestores é sobre o retorno a princípio ser realizado primeiramente pela Educação Infantil. Os chefes de executivo defendem que o retorno gradual se inicie pelo ensino superior e posteriormente para os demais alunos.

     Na mesma reunião, a Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), apresentou uma proposta de autonomia para os próprios municípios decidirem pelo retorno ou não do ensino presencial em suas localidades. No dia 1º de setembro, será realizada uma reunião do Estado juntamente com os prefeitos municipais para novo debate sobre a questão.


MAIS NOTÍCIAS