Geral


94% dos acidentes em rodovias da Serra são causados por falha humana

09/07/2014 Rádio Gaúcha Serra

     O fator humano foi a causa de 94,2% dos acidentes registrados no primeiro semestre deste ano nos 400 quilômetros atendidos pelo Grupo Rodoviário de Farroupilha, na Serra.

     São 471, dos 500 acidentes ocorridos entre os dias 1° de janeiro e 30 de junho. Problemas em veículos, como falta de freios, foram responsáveis por seis, e as condições da estrada somente por dois. Os números cresceram pouco em comparação ao mesmo período do ano passado, quando dos 476 acidentes atendidos, 415, ou 87,2%, foram causados por motoristas. O perfil dos acidentes também permanece o mesmo. A maioria foram abalroamentos ocorridos na RS-122 e RS-453 entre as 15h e as 18h, com maior concentração nas sextas-feiras. Mais da metade foram acidentes com danos materiais, mas, em 2014, 19 pessoas perderam a vida no trecho, contra 16 em 2013.

     Conforme o comandante do Grupo Rodoviário de Farroupilha, sargento Marcelo Stassak, as característcas das rodovias da Serra, como curvas acentuadas, muitos acessos e grande movimento oferecem maior risco, mas é principalmente o comportamento dos motoristas que resulta em acidentes.

     "As imprudências são das mais variadas. Temos a alta velocidade e os radares têm acusado isso, mas qualquer desatenção que o condutor tenha pode resultar no envolvimento em um acidente bastante sério. O simples atendimento de um celular, que desvia a atenção em um local complicado, em um final de tarde, quando a movimentação é mais intensa, pode vir a gerar acidentes. Temos também as ultrapassagens proibidas e indevidas nas rodovias com pista simples, isso influi bastante nestes números", explica.

     Outro dado que chama a atenção é quanto ao sexo dos motoristas: tanto em 2013, quanto em 2014, uma média de 87% dos motoristas envolvidos em acidentes eram homens. Conforme Stassak, o índice se explica pelo fato de os homens ainda dirigirem mais do que as mulheres e por eles serem menos cuidadosos atrás do volante.

MAIS NOTÍCIAS